Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

07 janeiro 2013

Como ser uma boa Au Pair


Estava eu pensando em como ajudar as meninas que estão vindo. Então  tentarei fazer um  post respondendo a essas perguntas: Como posso ser uma boa Au Pair? Como posso não perder a paciência? Como faço pra que as crianças gostem de mim, mas me respeitem?
DICAS PARA SER UMA BOA AU PAIR


1. Incentive a criança
Quando uma criança faz algo bem ou correto, elogie imediatamente. Seu incentivo irá mostrar que eles acreditam que você pode fazer isso – e dará mais confiança a elas. Você sabia que se uma criança recebe uma mensagem negativa, precisa de nove positivas para acabar com a única negativa?
2. Ensine o Exemplo
As crianças estão observando o seu comportamento e aprendendo continuamente. Eles tomam conhecimento do que os adultos estão fazendo e dizendo. Você está se comportando da maneira que você deseja que a criança imite? Tire um tempo para verificar o seu próprio comportamento.
3. Não Desista!
Cuidar de crianças é cansativo, preocupante e muitas vezes parece uma tarefa ingrata. Não há ‘babá perfeita “ou” pai perfeito’. Você pode fazer o melhor com o que você tem. Aceite que todo mundo às vezes comete erros e não tenha medo de pedir ajuda.
4. Limites
As crianças sentem-se muito mais seguras se elas têm limites e fronteiras. Elas irão testá-los constantemente. Esses limites irão tranquilizar a criança que você ama e eles se sentirão seguros.
5. Ser forte para a criança
Se a criança lhe diz alguma coisa ruim que aconteceu – não reaja negativamente ou com raiva. Trabalhe junto para encontrar uma solução para qualquer problema. Dessa forma, a criança passará a confiar em você e continuará compartilhando suas preocupações – e haverá muitas!
6. Fique calma
Aprenda a não reagir ao comportamento negativo ou “mau”. Se você está irritado, tome um pouco de tempo para recuperar o controle. Isso ajudará você a ter uma reação apropriada.
7. Suborno, definitivamente, não compensa!
Subornando a criança você envia uma mensagem que eles têm de se comportar mal só para conseguir o que querem. Recompense o comportamento bom com um tratamento não-material, como a leitura de uma história favorita. 8. Não tenha medo de disciplina Disciplina não é gritar, bater, ameaçar ou punir. É uma maneira tranquila e calma para ensinar, mostrar e reforçar comportamento de forma consistente. Essa estratégia vai te livrar da raiva e frustração e vai permitir que a disciplina exista, mas de forma amorosa.
É isso meninas, espero que isso ajude vocês, assim como me ajudou.
Bjoos
Share:
Bruna Totti

2 comentários:

  1. Sou Giselle: Amei muito as dicas, já tenho macetes para algumas situações rsrsrsrs, muito bom mesmo, parabéns!!!

    ResponderExcluir
  2. Amo as dicas que vcs passam aqui!
    Quero ser Au pair e estou trabalhando nesse objetivo!
    Estava me perguntando quando terminei de ler:
    Qual é o jeito adequado de disciplinar a criança que você cuida?

    ResponderExcluir

Follow by Email