Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

23 junho 2014

Ser Au Pair, na prática.

Uns dias atrás vi um post de uma menina pelo facebook perguntando o que significava ser Au Pair. 
Depois de um tempo nesse programa você vai percebendo que é muito mais do que pensávamos ser. É muito mais do que ter algumas horinhas com crianças e uma vontade de aprender inglês e conhecer um lugar novo sem gastar muito dinheiro. Parei para pensar um pouquinho sobre o que vem sido essa experiência para mim aqui, a 5 meses...



Ser Au Pair é ser mãe, amiga, companheira, motorista, cozinheira, enfermeira, psicóloga, curandeira, faxineira, separadora de brigas, cantora, palhaça, mágica, quase um super herói...
Ser Au Pair é ter um nível espiritual lá em cima, afinal você trabalha com sua paciência todos os dias, evitando conflitos, não levando nada pelo lado pessoal, e colocando pequenas criaturinhas que você alguns meses atrás nem conhecia em primeiro plano no seu dia (Nas suas horas on, claro! HAHA).
Ser Au Pair é trabalhar duro a semana inteira, ralar mesmo, mas quando chega no final de semana tudo vale a pena. Seja pelas viagens que você vai fazer, pelas pessoas que você conhece, ou pelo suado dinheirinho que você trabalhou para tê-lo.

Ah, viajar... Ser Au Pair é querer conhecer o mundo todo em somente 1 ano!! Ficar viciada em sites de passagem, e vibrar quando acha alguma coisa mais barata do que nos seus planos! É ansiar cada dia para conhecer um lugar novo, provar comidas novas, e andar em ruas antes nunca vistas por você.

É pensar em português, em inglês, em espanhol, em francês, e em todas as línguas que você vai conhecendo, seja pela convivência no País, seja por um curso que você optou fazer, ou pelas pessoas de diversas nacionalidades diferentes que você conheceu e deixou um pouquinho delas em você.

Ser Au Pair normalmente vem com um peso a mais. E digo literalmente peso. Pois você vai chegar aqui, e vai maravilhar-se com os preços e as variedades, e vai querer provar tudo! Fora que a alimentação da sua Host Family dificilmente vai ser igual a sua no Brasil. E ai o corpo é que sofre! Para quem não tinha disciplina de malhar em casa, aqui a gente aprender a ter!

Para finalizar, o programa de Au Pair realmente vem com o pacote de ''montanha russa'' de sentimentos junto. Não da para controlar, você simplismente vive. As vezes é uma semana boa, e a outra ruim, mas normalmente muda de dia a dia. Um dia maravilhoso, outro dia querendo matar um. Nos piores casos temos esse mix de sentimentos no mesmo dia, e aí você chega a se questionar se não é uma pessoa bipolar.

Ser Au Pair é crescer, amadurecer, ver o mundo de outra forma. Ver todos os seus amigos fazendo a mesma coisa de sempre e vivendo a mesma vida, e você caindo no mundo e vivendo mais que todos eles juntos! É aprender coisas em 1 ano que você não aprendeu a vida inteira. É dar valor, é sentir saudades, é amar, chorar, se arrepender, sorrir, vencer!!

 E quando chegar o fim do meu ano eu espero voltar para casa e dizer: Não foi fácil, mas eu consegui! Qual é o próximo desafio?


Share:
Fernanda Vitiello

25 comentários:

  1. Lindo o post. Ri muito do "curandeira" ahaha , somos tudo isso mesmo para as nossas kids e é bem estranho. As vezes até conseguimos ser o que nunca imaginamos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha obriiigada Vanessa =)
      So as vezes?? me sinto a mulher maravilha aqui, de tanta coisa que eu faco ahahaha

      Excluir
  2. Que texto incrível!!!
    Quase chorei aqui haha

    ResponderExcluir
  3. Muito inspirador, motivante... parabéns guria, curti! :D

    ResponderExcluir
  4. Uhauuuuuuu Não vou dizer minha blogueira favorita, mas sem duvidas você faz parte dos best blogueiras (trocadilho idiota) kkkk
    Adorei o post, lindo, emocionante, realista, inspirador .......
    Acho que o melhor de passar por tudo isso sem duvidas é a experiencia e amadurecimento que vamos ter ao final do programa... e que realmente venha novos desafios !!!
    Beijos no coração Fezinhaaaaa !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownnn obrigada Tha! hahahahha
      Pois eh, para mim eh o que mais esta valendo a pena! Sou uma pessoa nova depois dessa experiencia!!
      Grande beijo minha linda!

      Excluir
  5. Nossa que texto emocionante. Me senti naqueles comerciais super bem produzidos que mostram a beleza das coisas construídas nos bons e maus momentos. Simplesmente lindo e inspirador. Em menos de um mês estarei embarcando para esse turbilhão de sentimentos. :) beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha adorei sobre o comercial :')
      Se prepara e vem com tudooo!!!
      Beijos

      Excluir
    2. Hahaha acho que pensei em comercial por ser formada em comunicação. O texto é tão gostoso de ler que fiquei "vendo" um videozinho enquanto lia. :) E obrigada!

      Excluir
  6. Muito irado esse post, da pra ter a visão do que realmente vem pela frente de quem ainda não embarcou nessa. hahaha parabéns!!!!
    Meu blog ta aqui, bem no comecinho, pras meninas que ainda não foram e pra todas as que tem curiosidade de como é o processo e etc. http://vidadeaupair.com/

    Parabéns pra todas as meninas daqui!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!
      Vou dar um pulinho no seu blog para conferir =))
      Beijao

      Excluir
  7. Parabens pelo texto!! Vc disse tudo! A questao de oscilacao sentimental e o que mais acontece cmg. Tem dia que eu amo de paixao ser aupair, tem dia que eu me pergunto o que eu estou fazendo aqui... e mt dificil entender essa oscilacao de humor... mas quem esta vivendo sabe o que e. Bj

    ResponderExcluir
  8. Amei o post, até arrepiei. O meu dia está chegando ... frio na barriga é pouco :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, fico feliz que gostou!!
      Relaxa que no fim da tuudo certo =)
      Um beijo

      Excluir
  9. Super curti seu poste. :) Muito bom.

    ResponderExcluir
  10. Pura verdade. Amei muito seu post Fernanda, parabéns!

    ResponderExcluir
  11. Nossa, adorei o post..parabens

    ResponderExcluir

Follow by Email