Adaptação das kids ~ O Blog das 30 Au Pairs

Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

terça-feira, fevereiro 26, 2019

Adaptação das kids

Hey guys,

How are you?

Primeiro post aqui no blog depois de muuuuito tempo como leitora, fico feliz por poder compartilhar experiências relacionadas ao programa com vocês!!

Sou a Aline Coutinho, fui au pair de 2011 à 2013 e cuidei de duas kids (1 e 2 anos). Vivi com eles por dois anos e por motivos de trabalho do Host mudamos de Seattle (melhor lugar do mundo!!) para uma pequena cidade da California chamada Mountain View. 
Antes mesmo de voltar já dava aula de Inglês e é o que faço desde então. Amo ser Teacher por manter viva a experiência que tive e por ter a oportunidade de ajudar muitas meninas a conquistar esse sonho, hoje em dia com mais dicas especiais por ter meu filhote, o Murilo.

Hoje falarei sobre a adaptação das kids quando chegamos na casa da família.
Quando saímos do Brasil geralmente temos a ideia de que tudo irá se encaixar rapidamente quando chegarmos lá, que seremos muito bem recebidos (geralmente a recepção é boa) e que as kids irão nos amar por terem sido simpáticas no Skype e terem até chamado para ir ao parque ou mostrado o brinquedo favorito. Na teoria é tudo lindo, mas não contamos com a necessidade deles de adaptação e às vezes nos frustramos à toa com isso.

Em maioria dos casos pode haver uma sensação de perda por parte das kids, não por maldade ou por não gostar de você mas sim pelo fato das mudanças que isso ocorre na rotina, atividades e vida delas. Seria comum pensarem que a culpa foi sua, caso seja primeira au pair por exemplo:
- Minha mãe sempre ficava em casa e agora que a au pair chegou ela não fica mais comigo.
- Ela não me conhece e está mandando em mim!
- Antes dela não precisava fazer isso!
- Minha avó cuidava de mim e me deixava comer cookies todos os dias.

E até mesmo se já tiveram outra (o) au pair gerando comparações o tempo todo:
- Ah, mas a au pair antiga me levava ao parque todos os dias.
- A au pair fazia minha tarefa pra mim(Ah tá, querido! hsuhuausa) .
- A última au pair foi a melhor que eu já tive.
- A au pair foi embora porque você chegou!

Essas e outras issues podem acontecer e é uma forma das crianças de protestar, mesmo você sendo o máximo seria legal filtrar, rever os "sapos" que vai engolir e tentar uma abordagem diferente, de nada vai adiantar frases do tipo: "Sua mãe não está aqui e quem manda sou eu", ou "A au pair foi embora e não vai voltar, get used to it (acostume-se com isso)!, você está na fase de conquistá-los e essas primeiras atitudes podem definir como seu ano será, pode ser maravilhoso se você relevar certos comentários, pode ser frustrante e até causar rematch dependendo de sua atitude ou pode te transformar na próxima au pair inesquecível para eles.

Com certeza há excessões, mas como em qualquer trabalho a primeira fase é a fase da conquista, be nice, be kind and be patient!

Espero que gostem do post e me contem, quais as dificuldades que você teve com as kids no começo e o que foi mais difícil relevar?

Xoxo,

Aline Coutinho
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Follow by Email