Ficar ou ir pra casa? ~ O Blog das 30 Au Pairs

Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

segunda-feira, abril 15, 2019

Ficar ou ir pra casa?

Oi gente, como vocês estão? Finalmente vim contar a decisão e o desenrolar da história da minha extensão. Espero assim poder ajudar quem passa pela mesma situação delicada que eu.

Uma fotinho que representa os dois lugares que mais amo nesse país.

Agora já passei dos 8 meses aqui e eu sabia que depois de quebrar tanto a minha cabeça, fazer listas e me preparar psicologicamente, eu teria que tomar uma decisão final. 

Perto da marca dos 8 meses meus hostos finalmente vieram falar diretamente comigo sobre a vontade que eles tinham de eu realmente estender com eles e ficar mais um tempo. Fui sincera e coloquei para eles todas as minhas incertezas sobre ficar, como eu estava me sentindo abalada emocionalmente, a minha situação com a família no Brasil (vou ganhar uma nova irmã), mas que ao mesmo tempo não estava pronta para deixar eles.

E no fundo, eu sinto que meu papel aqui não chegou ao fim, eu ainda não fiz tudo o que eu sinto que deveria pelo baby que cuido e não me sinto nada preparada em voltar para a “vida real” de casa. E a vida real que eu falo é procurar emprego, me readaptar em uma rotina, saber que não será igual pois tenho pessoas que saíram da minha vida durante o intercâmbio. Encarar tudo isso simplesmente me apavora.

As pessoas que já fizeram qualquer tipo de intercâmbio provavelmente vão me entender, eu me descobri totalmente diferente depois de viver tudo isso aqui. Percebi que família é o meu bem mais precioso e que apesar de eu estar passando por essa etapa sozinha, sou muito mais dependente deles do que imaginava. Sim, eu era aquela pessoa que se dizia desapegada de tudo e de todos e quebrou a cara haha.

Mas sem mais delongas, depois de muito refletir, conversar com família, amigos e comigo mesma, decidi que vou dar mais uma chance pra vida me mostrar o que pode me proporcionar de diferente e vou estender por mais 6 meses com a mesma host family.

Mas porquê só 6 meses e porque a mesma família? Primeiro que eu não trocaria minha família por nenhuma outra, se não fossem eles eu já teria desistido do intercâmbio três meses atrás. Apenas seis meses porque quero ver minha irmã pequena, quero poder acompanhar ela, quero voltar e resolver todos os meus problemas inacabados. Esse é o tempo que estou me dando para viver com pessoas maravilhosas com quem criei tanto afeto e sem dúvida para aprender muito mais.

Agora vocês vão me acompanhar até janeiro nessa caminhada de Au Pair na Philadelphia. Mês que vem farei uma viagem dos sonhos de férias e já estou louca pra compartilhar com vocês.

Obrigada por quem me acompanhou e se preocupou nessa crise de decisões.
Beijos e até o próximo mês.
Elisa
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Follow by Email