Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

23 julho 2020

Descobri o Au Pair: O início de um sonho...

Pra quem conhece o meme e sabe como é a vida 
de Au Pair, eu nem preciso completar a frase, né? Hahaha
Eu sou a Ane, tenho 26 anos e fui Au Pair na Áustria e sou atualmente na Alemanha.
Eu sou aquela pessoa chata do grupo, que diz que Au Pair não é vida e que ninguém merece passar por isso, mas contando minha história, vocês vão entender o motivo.
Tudo começou quando eu estava no 6º período da faculdade e resolvi abandonar pois tinha descoberto uma forma acessível de "morar fora", que era um sonho desde os meus 15 anos.
Obviamente foi só um surto e eu continuei na faculdade, mas isso nunca mais saiu da minha cabeça.

O fato é que o programa era o mais barato, mas ainda assim estava fora do meu orçamento. Além disso, tinham também os pré-requisitos (inglês intermediário, experiência com crianças e carteira de motorista) que eu não cumpria, e o fato de eu não ser a maior fã dos Estados Unidos - com todo respeito, EUA fans!
 Mas a ideia seguiu forte na minha cabeça.
Mais ou menos um ano depois, descobri que o programa de Au Pair existia e era regulamentado em vários países da Europa, e eu resolvi que iria pra Bélgica (o amor da minha vida).

Pelo título, vocês podem imaginar que não funcionou. 

Quando estava no último período, comecei a procurar famílias e nenhuma fechava comigo pois o processo pra Bélgica, na época, estava demorando cerca seis meses e ninguém queria arriscar esperar e eu não conseguir o visto.
Nesse meio tempo, caí de pára-quedas em um grupo de Au Pair na Europa, onde muitas meninas estavam na Alemanha e falavam como o fluxo de famílias era grande, o visto era emitido fácil e rapidamente e os pré-requisitos não eram tão absurdos. Então eu me perguntei: "Por que não?"
Depois de mais ou menos dois meses de procura, infinitos skypes e frustrantes "negative reply", dei match com uma família aparentemente incrível, reuní todos os documentos e iniciamos o processo.

Eu tinha um mês pra me preparar pra prova de Alemão, do zero.
Estudei feito doida, fui na cara e na coragem fazer a prova e: DEU TUDO ERRADO!
Não passei na prova, e é claro, a família desfez o match. 

O que aconteceu comigo? Isso é papo pro próximo post.

No próximo dia 23, eu conto pra vocês como eu fechei um match e em 2 semanas fui parar na Áustria.

Bis bald!
Share:
Ane Gonçalves
Au Pair na Alemanha

10 comentários:

  1. A própria força em pessoa! Você é incrível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu apoio nesse processo todo foi fundamental <3

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

  3. Amiga você é uma inspiração pra mim, eu demorei anos pra tomar coragem e ver você vir e enfrentar tudo com a cara e a coragem só me incentivou. mulher destemida, mulherão da porra! ❤️

    ResponderExcluir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai amigo, nem sei como responder isso ahahaha Obrigada por me inserir na Alemanha aos poucos <3

      Excluir
  4. Passou por poucas e boas e está de pé, mais forte que nunca! Se você está precisando de uma história que te motive, aqui está uma. Orgulho ❤️❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelas idas à Primark que me salvaram de ficar trancada com Host Family <3 ahahahah

      Excluir
  5. Apesar da tensão antes e de como tudo foi rápido demais, tá valendo a pena!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo com todos os obstáculos, nunca deixou de valer <3

      Excluir
  6. Ane do céu nunca fiquei tão curiosa para saber a continuação de uma história rs Mas pelo visto vc vem vencendo mtos obstáculos, parabéns!

    ResponderExcluir

Follow by Email