Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

14 agosto 2020

AU PAIR: Um filme sem legenda!

 Olá pessoal!

Hoje resolvi contar como foi a minha experiência com o inglês quando cheguei nos Estados Unidos como Au Pair.

Como já contei no último post, minha primeira vez nos EUA foi em 2011 e, naquela época, juro que não faço a menor ideia de como sobrevivi durante aquele intercâmbio! Hahaha Meu inglês era apenas PÉSSIMO.

Ok, vida que segue e pulamos para 2017. Meu inglês evoluiu muito em 6 anos. Nesse meio tempo estudei por conta própria, fui para escolas de inglês, fiz aulas com professor particular e trabalhei em uma multinacional, mas ainda podia melhorar (E MUITO)!

Confesso que mesmo com um bom listening e writing, meu speaking deixava muito a desejar... Na hora de falar começava a ficar muito nervosa, dava aquele branco, coração palpitava e isso não era uma questão de personalidade não viu?! Porque por natureza eu sou uma matraca ambulante e se deixar falo por horas e horas a fio (meus amig@s que suportam meus áudios de quase 10 minutos no WhatsApp não me deixam mentir HAHAHA).

E pra ser a cerejinha do bolo, minha primeira host family era indiana! Sim! Imagina eu tentando falar e ainda tentando desvendar o sotaque deles. Não foi fácil não galerinha... Só Deus sabe dos perrengues que eu passei e da frustração que eu senti muitas vezes.

Hoje eu conto as histórias daquela época com um sorrisão no rosto e fazendo piada do meu inglês porcaria, porque temos que ver tudo como parte do processo de evolução, certo?

Não vou mentir, muitas vezes pensei em desistir, ficava cabisbaixa por ver outras Au Pairs falando melhor do que eu, queria participar das conversas e não conseguia, mas o importante é que nunca desisti, fui vivendo um dia de cada vez, com paciência e perseverança. 

Atualmente meu inglês é fluente, converso com qualquer pessoa sobre qualquer tipo de assunto sem problemas e não tenho mais medo ou receio de falar como no início.

Acredito que eu só tive a percepção de como tudo mudou quando um dia decidi ligar na operadora do cartão de crédito para negociar a anuidade e outras taxas. Quando sai daquela ligação, (com o objetivo alcançado UHUUUL) me lembrei daquela Jessica que morria de medo de abrir a boca pra falar inglês e como eu evolui de lá pra cá. Por isso, dê valor às suas conquistas, cada uma delas, por menor que seja. Pra muita gente talvez não pareça muita coisa, mas pra mim ser independente em um país que não fala português me dá muito orgulho.

Se você quer algumas dicas de como eu melhorei meu inglês, pega papel e caneta e anota ai:

1 – SE DEDIQUE – assim como tudo na vida, se você se dedicar, você consegue!

2 – SE DESAFIE – na dúvida – fale! Você só vai aprender e melhorar quando falar, afinal ninguém vai conseguir ler sua mente pra saber o que você está pensando.

3 – PEÇA AJUDA – e tenha mente aberta para a correção, afinal se a pessoa quer o seu mal, ela não vai te corrigir, certo?!

4 – TENHA CURIOSIDADE – viu uma palavra diferente, procure o significado! Alguém falou algo que não entendeu, peça a explicação. Você vai ver o quanto isso vai te ajudar, além de te trazer muito vocabulário.

Fiz tudo isso ao longo dos meus 2 anos de Au Pair e ainda continuo fazendo porque o aprendizado é diário.

E o mais importante, se você decidiu embarcar nessa aventura e aprender uma língua nova, você já merece os parabéns, não é todo mundo que tem essa coragem, acredite! Todas as vezes que eu converso com alguém e a pessoa me pergunta de onde eu sou (porque claramente meu accent é diferente) eu encho a boca pra falar que sou brasileira, tenho muito orgulho das minhas raízes e de ter alcançado meu objetivo quando decidi me aventurar tão longe de casa.


          (Você sabe o que é um sotaque estrangeiro? É um sinal de bravura).

Se eu consegui, você com certeza consegue!

Me contem a experiência de vocês nos comentários porque eu vou adorar saber e se precisar de umas dicas de inglês, me chama lá no insta, ok?!

Beijos e até a próxima!

Share:
Jessica Anhalt
Ex Au Pair nos Estados Unidos entre 2017/2019

3 comentários:

  1. Eu amei o post!
    Sim, sou uma das amigas que recebe os áudios infinitos 🙈😂
    Orgulho essa menina viu?! ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amiga! s2
      Já já você estará me enviando áudios longos tambémm, eu confio no seu potencial garota!
      Te amo! :*

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Follow by Email