Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

28 agosto 2020

O tão sonhado MATCH chegou, e agora???

Hellooooo Everyone!!!! 

Finalmente chegou dia 28 e estou aqui para contar para vocês (conforme prometido) meu tão sonhado MATCH!! 💗💃

Depois de tantas entrevistas com inúmeras famílias e os mais diversos motivos de negar, tanto da minha parte como das famílias, encontrei uma família que me deu borboletas no estômago e senti que era pra valer. 

Conversamos bastante por e-mail onde pude perguntar tudo o que queria (vocês não imaginam o tamanho da minha lista de perguntas...kkkk) e finalmente a fofa decidiu que era hora para uma ligação. Após alguns contratempos de fuso conseguimos iniciar nossa conversa, vocês conseguem imaginar o tamanho do meu nervosismo?? Eu já estava online há 7 meses e precisava de uma família urgente, queria ir embora logo!! Entre muitas perguntas dela e minha, eis que ela me manda uma pergunta um tanto quanto diferente:

  - " Amanda, qual a sua opinião sobre o Presidente Bush (presidente na época - 2008)?"

   Eu gelei, como assim? Não treinei para essa pergunta. 👀

Mas como já trabalhava para político e estava calejada em me sair dessas situações, pois não sabia se ela era republicana e era a favor dele ou era democrata, tentei sair pela tangente explicando que não poderia dar uma opinião concreta, pois você só pode saber mesmo se está sendo governada por ele e que não tinha uma opinião formada, não era a favor e não era contra, preferia ficar neutra.... ufa...acho q consegui convencer...pelo menos ela ficou "OK" com a resposta.

Conversamos mais e ela disse que havia gostado muito de mim e que no dia seguinte a nanny dela (que era brasileira) iria me ligar para que eu pudesse tirar mais dúvidas e conversar em português para eu me sentir mais confortável.

A Carol (ex nanny da família) me ligou no meu almoço e nos demos super bem, a conversa fluiu tanto, mas logo em seguida ela me faz a bendita pergunta sobre o Presidente novamente... ai me acendeu uma dúvida e ao invés de responder já soltei outra pergunta: "Mas Carol, porque ela tanto quer saber se gosto dele ou não? Eles trabalham para o governo??" E a resposta foi surpreendente (pelo menos pra mim): "Guria, ela não te falou? Ela é prima de primeiro grau dele, você vai vê-lo em alguma viagem da família e ela precisa saber se você curte ele ou não, ou é uma terrorista...kkkk" 

Eu CHOQUEI!!! Os haters e oposição pode dizer o que for, mas eu fiquei tão feliz, me senti importante, como assim uma menina de uma cidadezinha pequena no Brasil pode conhecer o presidente dos Estados Unidos?? E hoje posso dizer, que cara simpático que ele é...fui muito surpreendida pela maneira que ele me tratou. 

Massss continuando a conversa com a Carol, eu já fui logo falando que não tinha nada contra ele, não era terrorista e que iria amar se eu pudesse conhecê-lo. Terminamos a  conversa e eu não me aguentava, as pernas estavam bambas, boca seca, tremia mais que vara verde e queria sair gritando para todo mundo que estava indo para a família do presidente dos Estados Unidos!!! 🗽🗽 Mas tive que segurar a onda porque era muito arriscado e cidade pequena sabe como corre a fofoca, né?

Mas não poderia deixar de ligar para minha maior incentivadora (mãe) e contar tudo em detalhes e ela gritar e comemorar comigo... 

Voltei para o trabalho correndo e assim que chego na minha mesa e abro meu e-mail está lá um email da fofa perguntando se eu queria match, pois ela havia gostado muito de mim e a Carol falou muito bem da nossa conversa... 

GENTEMMMMM tem sentimento melhor do que esse quando se está no processo de Au Pair??? A alegria é imensa, você não sabe se ri, chora, planta bananeira....kkk... e o melhor, ela precisava de mim para ontem, tive menos de 1 mês para organizar tudo e partir para a terra do Tio Sam ou Primo Sam (no meu caso)😄😄


Sei que muitos de vocês podem não acreditar na história, ou odiar ele fazer pouco caso, mas para mim foi surreal, uma história que eu conto até hoje e parece que estou contando sobre um filme que assisti. Sabe o que é você sair de uma família simples, lutar para conquistar seu sonho e de brinde conhecer o presidente dos Estados Unidos?? Mas não em um evento formal onde você vai ser mais um que ele aperte a mão e nem saiba quem é você... Não foi esse homem que eu conheci... Eu conheci o George, sim, foi assim que a fofa me apresentou ele, e pude conversar sem formalidades, com aquele inglês de índio que a gente chega, e ele sabia TUDO sobre mim pois é claro já tinham feito uma varredura da minha pessoa, né?? Ele foi cortês, educado, apertou minha mão forte e conversou como o primo da fofa, me fez sentir super a vontade e eu amei essa experiência....Prometo que volto para contar tudinho como tudo isso aconteceu.

Quem vai ficar comigo para o próximo capítulo??

Espero vocês 28/09

Grande bjo e fiquem firmes, pois sairemos dessa ❤✋🙌



Share:
Amanda
Ex Au Pair em Greenwich-CT (EUA)

2 comentários:

  1. E vc chegou a ir na casa branca ou não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente só por fora... Tive q me contentar com a casa da família deles em Maine...

      Excluir

Follow by Email