Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

02 setembro 2020

Devo estender com a mesma host family?

 Oi tudo bem?
Hoje vim bater um papo sobre a difícil decisão de estender com a mesma host family ou não. Isso deixa muitas au pairs na dúvida. Eu também fiquei e tive que tomar essa decisão difícil quando resolvi estender pro meu segundo ano. 
Morei por 2 anos em Chappaqua no subúrbio de New York. Chappaqua é uma cidade pequena sem nada pra fazer, porém é próxima de NYC (aproximadamente 1 hora de trem) e esse foi o principal fator na minha decisão de ficar com a mesma família. Eu amo NYC, apesar de ter um custo de vida alto é uma cidade linda e com muitas coisas pra fazer, além de ter 3 aeroportos próximos, mas o principal para mim, que sou formada bacharel e licenciada em Dança e trabalhava como professora de Dança no Brasil, foi que lá eu fazia aulas de Dança numa das mais famosas escolas de Dança do mundo e isso pra mim significava crescimento em dobro: Inglês fluente + experiência estudando na minha área no exterior! Eu não queria correr o risco de ter que ir morar num lugar muito longe de NYC ou em um lugar muito isolado em que eu não tivesse nada de legal pra fazer, em que a locomoção fosse muito difícil, tanto para coisas do dia a dia como para ir viajar, por ser longe de aeroportos, e ainda por cima ter que parar de Dançar! Para que correr esse risco?! Ao mesmo tempo eu sentia falta de morar mais próxima de lá já que eu morava no subúrbio a uma hora de distância e custava muito caro toda vez que eu quisesse ir para NYC. Decidi que eu apenas mudaria de host family se fosse pra ir exatamente para NYC. 

Ao mesmo tempo eu tinha que levar em consideração os prós e os contras de ficar onde eu estava: minhas kids eram bem tranquilas e boazinhas, eu tinha um quarto no basement, uma sala de ballet em casa do lado do meu quarto (hahaha, isso conta bastante pra uma bailarina!), eu não pagava gas pro carro, e sempre que eu precisava de um dia de folga eu poderia falar com a host mom e ela normalmente me ajudava com isso e  eu ganhei uma semana a mais de férias por ano. Maaaaaas, ao mesmo tempo eu trabalhava todos os sábados a noite tirando meu fim de semana off, meus hosts trabalhavam de casa e isso é bem estressante, eles comiam muito pouco e por isso tinha pouca comida na casa. Além disso conheci muitas au pairs que estavam com host families ruins, ou que haviam estendido com host families piores do que a primeira ou que entraram em rematch e acabaram em host family furada, e isso me deixou com medo de trocar de familia e ir parar em uma familia muito ruim. Resumindo eu resolvi estender com a mesma família, porque eu já sabia como eles eram e já sabia o que esperar pro meu segundo ano e também por que eu estava bem lá, pois apesar dos contras eu não estava com uma 'host family ruim". 
No fim das contas, hoje depois de ter terminado meu intercâmbio, eu ainda penso se teria sido melhor ter trocado de família, mas como se diz em inglês "it is what it is" ("é o que é"), eu tomei a decisão da melhor forma que eu podia levando em conta o que eu precisava naquele momento e durante a extensão eu tentei sempre focar nas coisas boas, acabei relevando bastante coisas que me incomodavam, mas consegui atingir o objetivo de estudar Dança e também viajar para alguns outros lugares. 


Muitas coisas devem ser levadas em conta quando você resolve estender com a mesma host family. Eu aconselho a botar no papel o seu objetivo principal no au pair e a partir dele fazer a sua decisão, e o mais importante é analisar se você está bem e saudável no lugar/host family em que está! 
Por exemplo se você ama viajar e mora na costa leste talvez seja vantajoso pro segundo ano mudar para a costa oeste e aproveitar o seu segundo ano pra viajar por lá, ou vice versa. Agora se o seu objetivo é estudar e ficando na sua atual host family você morará perto de um ótimo college ou university que tenha um curso muito bom na sua área quem sabe a melhor opção seja ficar onde está, isso claro se você estiver feliz e se dando bem com a sua host family atual, afinal a sua saúde mental contribui e muito para se ter bons resultados nos estudos! Outra dica pra quem quer ficar na mesma host family  mas está muito na dúvida é tentar negociar alguns dos seus benefícios, como salário, dias off, férias e etc com a host family, já vi casos se au pairs que tinham uma boa comunicação com os hosts e conseguiram ótimos benefícios pra ficar com eles no segundo ano! Ah, e não esquece de perguntar pra família se tudo vai continuar da mesma forma, seja schedule, uso do carro, regras da casa, curfew e etc., que é pra não ser pega de surpresa no seu segundo ano. Outra dica pra ajudar a sair da dúvida é sempre pedir a opinião de amigos, família e outras pessoas confiáveis, por que as vezes pessoas de fora da situação podem trazer uma diferente opinião sobre isso e levantar aspectos diferentes do que a gente tinha pensado.

Seja qual for a decisão tomada tenha sempre um mente que esse intercâmbio é SEU e por isso você precisa focar em você e nos seus objetivos! Se você decidir que quer mudar de família por N motivos só vai, afinal nosso tempo como au pair é curto, temporário e passa num piscar de olhos, nós temos que saber aproveitar cada momento e uma boa host family vai ter que entender a decisão da au pair, talvez eles fiquem chateados que você queira sair, mas como eu disse, uma boa família irá entender! Agora, se a família não aceitar, te tratar mal ou agredir (psicologicamente, verbalmente...) pela sua decisão ai estará a prova viva de que você escolheu certo ao decidir trocar de família. Por outro lado se você decidir ficar na mesma família e por algum motivo não estiver feliz ou não estiver dando certo não tenha medo de mudar, você nunca sabe as surpresas boas que a vida guarda e não vale a pena passar esse momento maravilhoso da vida, que é o intercâmbio, sofrendo.
Boa sorte na sua escolha, e se precisar de conselhos ou dicas pra se decidir é só me dar um grito!
Beijinhos! :)

Share:
Thamy Costa
Ex Au Pair em New York (EUA)

Um comentário:

  1. Eu já sabia q iria querer estender com a minha host family desde o meu primeiro mês com eles:) O seu conselho de analisar o objetivo da Au Pair com o programa é perfeito, pois cada um tem o seu objetivo. Uma grande amiga minha tinha uma host family maravilhosa, estava morando em um lugar ótimo, tudo foi excelente em seu primeiro ano, mas ela não estava evoluindo com o inglês, q era o seu maior objetivo pq ela só cuidava de um baby e não tinha cursos por perto e ela trocou para uma família não tao boa, com menos “regalias” mas com escola boa por perto q a ajudou a se tornar professora de inglês no BR qdo voltou. Vc com certeza fez a escolha certa:)

    ResponderExcluir

Follow by Email