Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

12 outubro 2020

Como se preparar para a tão temida entrevista no Consulado Americano

Algumas das muitas preocupações durante o processo são as temidas entrevistas, tanto com a agência, host families ou com o Consulado Americano. Neste post irei abordar como você pode se preparar para a entrevista no Consulado, pois foi a que mais me deixou nervosa.

Antes de fazer minha entrevista, li vários posts de experiências de outras meninas no grupo do Facebook de Au Pairs para ter uma ideia de como seria e quais as possíveis perguntas. Você consegue nesse grupo documentos com informações que vão te ajudar. Com isso, eu montei um documento com as possíveis perguntas e quais seriam as minhas respostas em inglês para treinar e me sentir mais confiante. Treinava todos os dias com a ajuda de amigos ou em frente ao espelho.

Escolhi fazer a entrevista no Consulado do Rio de Janeiro. Chegando lá você não pode entrar com nenhum eletrônico ou pertence pessoal, somente os documentos necessários para o visto. Há vários lockers próximos aos Consulados onde Você pode pagar para deixar as suas coisas. No dia da entrevista chegue com antecedência, principalmente se você morar em outra cidade, eles são muito pontuais. A entrevista é feita por uma pessoa americana e eles são livres para perguntar o que quiser e se irão fazer isso em inglês ou português. 

Normalmente a entrevista para o visto de au pair é realizada em inglês. Foram poucas as perguntas que respondi: para onde eu estava indo, como era a família que iria me acolher, minha profissão no Brasil e o que eu pretendia fazer quando voltasse. Todas as perguntas em inglês, mas a última eu não entendi e soltei um “what?” (foi no nervosismo, haha) e ela repetiu em português. Durante as perguntas ela foi colhendo minhas digitais e preenchendo algumas informações no computador. Logo após me disse que meu visto foi aprovado e me deu um livrinho com os meus direitos nos EUA. Neste momento senti o maior durante todo o meu processo e que o intercâmbio era real!!!

Percebi que todo o meu nervosismo e medo e que não é esse bicho de sete cabeças que muitas pessoas falam. É claro que o visto pode ser negado, mas você pode tentar novamente e na maioria dos casos para o visto de au pair é aprovado. Então treine, tente se acalmar o máximo possível e mostre confiança!

Vou deixar aqui as perguntas que normalmente são feitas pelo Cônsul:

1) Have you ever been to the usa?

2) What do your father and your mother do?

3) What are you going to do there? / What are you doing there?

4) Do you speak english?

5) Are you single or married (marital status)? 

6) Do you have children?

7) Where do you live in brazil?

8) What do you study?/What do you work with?

9) Where are you going to? Where are you going to live?

10) How many children are you going to take care of?

11) What do you intend on doing after?/What are you going to do when you come back?

12) Why do you want to be an au pair?

13) Have you ever been abroad/usa?

14) Do you have relatives living in the usa?

15) Did you already talk with the family?

16) How old are you? What’s your age?

17) What do you do in brazil?

18) What will you do there?

19) Why did you choose the usa?

20) Why do you want to improve your english?

21) Why do you think that english is important in your field?

22) How long have you studied english? 

23) How much have you payed for the agency?

24) How much will the family pay you? How much will you be paid in the US?

25) Have you already researched what course do you want to do there?

26) What are the kids’ ages?

27) What will be your duties with the kids?

28) Who is paying for your exchange program?

29) Is this your first visa?

30) How often do you talk to the family?

31) How long will you stay there?

32) When are you traveling?/When is your departure date?

33) Tell me about your host family./Who do you live with?

34) What do you know about the American culture?

35) What do you do here in Brazil?

Share:
Keroline Ferreira
Au Pair em Maryland (EUA)

0 comentários:

Postar um comentário

Follow by Email