Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

06 outubro 2020

Exames de proficiência: Qual é o melhor pra você?

 Olá futuras, atuais e ex au pairs! Na postagem de hoje vou falar sobre os exames de proficiência de inglês. Essa semana eu fiz minha inscrição para o CAE (Certificate in Advanced English) e como eu sei que muitas pessoas tem dúvida sobre qual teste escolher, decidi que esse seria o tema perfeito para o post de hoje. 

Exames de proficiência são provas que prestamos para comprovar que temos um bom nível de inglês. Com isso pode-se conseguir um certificado com muita credibilidade ao qual pode ser usado para entrar em uma universidade estrangeira, ser contratado para certos tipos de trabalho no exterior, lecionar a língua inglesa e até conseguir vistos para outros países. 

Embora similares, há testes que são mais eficazes dependendo de qual é o seu objetivo. Por isso fiz uma breve descrição dos principais e mais requisitados exames de proficiência.

TOEFL: 
 
Provavelmente o mais conhecido entre todos, o Test Of English As A Foreign Language (TOEFL) é para fins acadêmicos. Ele é aceito em quase todas as universidades norte-americanas, que geralmente exigem uma nota mínima de 90 pontos. 

Ele contém quatro módulos sendo eles listening, speaking, reading e writing. Cada um deles vale 30 pontos, totalizando 120 pontos como nota máxima. A inscrição custa cerca 200 dólares e a duração do teste é de quatro horas. Sua validade é de dois anos. 


IELTS:

Assim como o TOEFL, o International English Language Testing System (IELTS) também se trata de um teste para fins acadêmicos, mas enquanto o primeiro é mais aceito em universidades norte-americanas, o segundo é mais voltado para universidades do Reino Unido e de países como Irlanda, Nova Zelândia e Austrália. A maioria delas exigem uma nota mínima de 7 pontos.

A duração do teste é de três horas, contendo quatro módulos: listening (40 minutos), writing (60 minutos), reading (60 minutos) e speaking (40 minutos). A nota máxima é de 9 pontos.

A inscrição custa cerca de 240 dólares e a validade do teste é de dois anos. A prova pode ser aplicada online ou presencialmente.


Exames de Cambridge:

Os exames de Cambridge podem ser usados para fins acadêmicos em instituições do Reino Unido, mas também podem ser exigidos para trabalhos no exterior e aplicações de visto. Ele é recomendado para aqueles que tem mais confiança em seu nível de inglês.

Sua duração também é de quatro horas, incluindo os quatro módulos reading and use of English (90 minutos), writing (90 minutos), listening (40 minutos) e speaking (15 minutos). 

Esses exames contém um sistema de pontuação diferente dos citados acima, sendo o tipo de teste "passou ou não passou". Sua nota pode ir de B2 (mais baixo), C, B ou A (mais alto). Apenas aqueles que tirarem entre B e A passarão na prova.

A inscrição custa em torno de 150 euros e sua validade é vitalícia, ou seja, será válido para sempre. 

A Cambridge possui quatro exames diferentes, cada um voltado para um nível de inglês diferente. Eles são:

PET (Preliminary):
O mais baixo entre todos. Ele serve para provar que você já é capaz de se comunicar razoavelmente.

FCE (First):
Voltado para estudantes de nível intermediário. Com ele você pode provar que pode provar que seu inglês é bom o suficiente para viver em um país estrangeiro. 

CAE (Advanced):
Voltado para estudantes de nível avançado. É necessário ter a fala e escrita excelentes para passar no teste. Geralmente exigido para se matricular em universidades ou para exercer profissões no exterior.

CPE (Proficiency):
Esse teste é para aqueles que já falam inglês tão bem quanto um falante nativo. É um teste extremamente difícil, por isso passar nele é considerado uma conquista para poucos.


E aí? Já decidiu qual é o melhor pra você?


Share:
Isabela Cerqueira
Ex Au Pair em Cork (Irlanda)

0 comentários:

Postar um comentário

Follow by Email