Pessoas que largaram tudo para se aventurar nesse mundão de Au Pair!

27 fevereiro 2021

Tempos difíceis durante o Au Pair.


Hello pessoal, estamos aqui em mais um artigo sobre a vida de AU PAIR, mas hoje eu queria dizer o quanto a terapia mudou grande parte de tudo o que eu vivi.

Me tornar uma Au Pair foi algo muito importante que mudou minha vida em vários aspectos. Porém, eu não estava preparada para tantas mudanças. Tudo aconteceu muito rápido para mim.

Eu fui para os Estados Unidos para passar apenas um ano. Na minha cabeça estava tudo planejado: passar um ano, aprender o máximo de inglês, viajar, voltar para casa, terminar a faculdade e tentar ter uma carreira na área do Direito. 


Pois bem... Não foi bem assim, sabe?! Quando eu cheguei lá comecei a me sentir muito carente, dependente, era tudo tão estranho, era como se eu estivesse em outro mundo. 


Tentei fazer novos amigos, fui em dates, comecei a ir em uma igreja local super bacana, mas eu estava toda bagunçada! Eu não conseguia digerir todas as situações! Me diverti muito, fiz uns amigos legais, fui em uns dates que simplesmente não eram para mim - Graças a Deus - mas a decisão sobre ficar mais tempo nos Estados Unidos ou voltar para o Brasil começaram a bagunçar minha cabeça de forma assustadora!


Comecei a tentar fazer coisas para preencher um vazio que eu não entendia. Não era falta de amigos e não era falta de apoio da minha host family. Era só eu com medo de tomar uma decisão sobre a minha vida. Até que um dia uma amiga me indicou uma amiga dela que era psicóloga, eu a procurei e resolvi começar a terapia.


Eu fiz terapia on-line com uma psicóloga super bacana aqui do Brasil via Skype. A terapia mudou minha vida! Quem está aqui a mais tempo sabe que sou cristã e tenho minhas convicções. Óbio que caí miseravelmente algumas vezes, mas isso não vem ao caso. O fato é que as vezes a gente não acha que pode receber ajuda de outros homens em certas circunstâncias da nossa vida. Mas podemos!


Após o primeiro mês de terapia com a Lígia eu já me sentia outra pessoa! Ganhei confiança para fazer as escolhas que já estavam na minha cabeça e eu tinha medo de expressar, ganhei confiança com minha imagem, sobre minha pessoa, simplesmente eu comecei a me lembrar de quem eu era e à partir disso eu tive a oportunidade de viver meus últimos 9 meses como Au Pair de uma forma muito melhor que o restante do tempo! 


Me aproximei de pessoas maravilhosas que foram muito importantes nessa tragetória! Voltei ao Brasil e parei com a terapia por questões financeiras, mas sempre que eu vou tomar uma decisão eu sei que eu penso de uma forma diferente da que eu pensava antes.


Bom, o que eu queria dizer nesse artigo é: se você está deixando de aproveitar a sua jornada por ansiedade, depressão ou qualquer motivo que você não saiba explicar e as pessoas ao seu redor não conseguem te ajudar, meu conselho é: procure ajuda profissional!

Resolva o seu problema e volte a aproveitar o máximo da sua vida!

Ninguém precisa estar infeliz enquanto alcança seus sonhos! Se você percebeu que aquele não é mais seu sonho, troque-o! Nós somos seres mutáveis. O que não podemos é viver presos nos nossos sentimentos, porque só teremos a oportunidade de viver uma vez. A vida é única!


Libertem-se de suas prisões e sejam felizes!


Beijos, abraços e até a próxima!




Share:
Francislane Magalhães

2 comentários:

  1. Verdade concordo plenamente. As vezes procurar ajuda de um profissional não é sinal de fraqueza e sim de sabedoria. Que Deus continue te abençoando e guiando sempre seus passos. Deus te abençoe infinitamente.

    ResponderExcluir
  2. Oi Fran, olha, não deve ter sido fácil, mas que ótimo que a terapia (e a fé!) fez com que tudo revertesse e no fim, deu tudo certo:) Sou super a favor, comecei ano passado e não parei mais... Bjs

    ResponderExcluir

Follow by Email